Formação gratuita em Paradesporto pelo projeto Sesc Olímpico e Paralímpico

Os participantes são capacitados para tornar suas práticas esportivas mais inclusivas, adquirindo habilidades na elaboração de atividades e materiais adaptados, com o objetivo de garantir o acesso às pessoas com deficiência


15/05/2024 - Atualizado em 16/05/2024 - 973 visualizações

Inclusão no esporte

O Sesc Prainha em Florianópolis foi a primeira unidade Sesc-SC a receber o Workshop de Paradesporto conduzido por Rosicler Ravache, no dia 3 de maio. A capacitação integra o projeto "Sesc Olímpico e Paralímpico", que apresenta uma programação especial alusiva aos Jogos Olímpicos que ocorrem entre 26 de julho e 11 de agosto, e os Paralímpicos entre 28 de agosto e 8 de setembro.

Com o tema "Paradesporto: Da teoria e Etiologia das deficiências até a adaptação e elaboração de atividades e materiais", o curso acontece em cinco unidades Sesc-SC, com carga horária de 8h.

A próxima edição será no Sesc Tubarão, neste sábado (18/05). Na sequência a programação acontece no Sesc Chapecó (08/06), Sesc Lages (29/06) e Sesc Joinville (06/07). Clique aqui para informações sobre inscrições e vagas.

Imersão nos fundamentos teóricos e práticos

O Workshop de Paradesporto oferece uma imersão completa desde os fundamentos teóricos até a aplicação prática, abordando de forma abrangente os aspectos essenciais desse campo. Na parte teórica, os participantes exploram temas cruciais como a relação entre família, deficiência e escola, além de uma compreensão aprofundada sobre a etiologia das deficiências, fornecendo uma base sólida para a prática. Já na parte prática, o foco está na aplicação dos conhecimentos adquiridos, com ênfase na adaptação das aulas, elaboração de atividades e materiais adaptados. .

Os participantes são guiados através de técnicas e estratégias para tornar suas práticas mais inclusivas e eficazes, garantindo que estejam preparados para promover o acesso ao esporte para pessoas com deficiência. O workshop é uma oportunidade valiosa para profissionais e entusiastas do paradesporto aprimorarem suas habilidades e contribuírem para a promoção da inclusão e do desenvolvimento humano através do esporte adaptado.